Mulher desaparece no mar após ritual a Iemanjá

Ajustar Comente Impressão

Dez pessoas foram atingidas esta quinta-feira por uma onda na praia da Costa Nova, em Ílhavo.

"Nunca se pode virar as costas ao mar, quanto mais num dia destes", diz o pescador ao PÚBLICO, vaticinando que nesta quinta-feira dificilmente a mulher desaparecida será encontrada, já que as buscas estão a ser feitas em terra.

Quatro pessoas foram arrastadas pelo mar, na praia da Costa Nova, em Ílhavo, tendo três delas conseguido sair da água, mas uma está ainda desaparecida, informou o comandante do Porto de Aveiro, Carlos Isabel.

"Queremos acreditar em tudo, mas perante as condições atmosféricas, cada vez as probabilidades são mais reduzidas", disse à Lusa o comandante da Capitania do Porto de Aveiro já ao final da noite.

Três pessoas conseguiram sair da água, mas uma mulher continua desaparecida. O grupo de pessoas é natural de Tondela (Viseu) e Águeda (Aveiro).

Sem certezas quanto às razões que levaram as vítimas a estar naquele local, as autoridades admitem que a explicação pode passar por um ritual religioso que estaria a decorrer junto ao mar. "Tivemos relatos iniciais nesse sentido, mas não podemos estar a levantar falsas suspeitas enquanto não tivermos os factos todos apurados", disse o comandante Carlos Isabel.

"Tivemos dez pessoas que vieram observar o mar. Quatro aproximaram-se de mais e foram arrastadas".

As operações de busca contaram também com a participação de um helicóptero da Força Aérea que, durante cerca de uma hora, sobrevoou o local onde a mulher desapareceu. "Tinham sinais de hipotermia e alguns arranhões, mas nada de grave", disse o comandante dos Bombeiros de Ílhavo, Carlos Mouro. As buscas realizam-se por terra (veículos todo-o-terreno da polícia), por mar (embarcação Nossa Senhora dos Navegantes da Polícia Marítima) e por ar (com recurso a um helicóptero da Força Aérea que estava a caminho do local).

Também a estrada que liga a povoação da Gala à praia do Cabedelo - encerrada ao trânsito pelas autoridades, por precaução, cerca das 17:00 - ficou inundada em vários pontos, em resultado da agitação marítima.

Os meios de busca e socorro deverão ainda ser reforçados durante a manhã de sexta-feira com uma lancha salva-vidas.

Comentários