Holandês lidera 2º treino no Azerbaijão

Ajustar Comente Impressão

Em uma sessão em que praticamente todos os pilotos saíram da pista ou rasparam o muro pelo menos uma vez, Max Verstappen repetiu o desempenho do primeiro treino e foi o mais rápido no dia inicial de atividades do GP do Azerbaijão.

A grande surpresa do dia foi a sexta posição do canadense Lance Stroll, que ficou cinco posições à frente de Felipe Massa, seu companheiro de equipe na Williams, sendo quase 0s5 mais rápido do que o piloto brasileiro - 1min44s113 a 1min44s609.

Em 2016, o companheiro de Bottas na Mercedes, o candidato ao título Lewis Hamilton, começou a corrida em 10º após cortar as barreiras durante a classificatória, deixando seu principal rival, Nico Rosberg, na pole, apto a chegar à vitória. Atrás dos carros da Mercedes estará a dupla da Ferrari, com Kimi Raikkonen em terceiro, e Sebastian Vettel, líder do campeonato, em quarto. Com isso, os pilotos voltaram para os boxes e tiveram pouco tempo para reaquecerem os pneus e tentarem melhorar seus tempos. O britânico, que ontem bateu na subida do castelo, hoje abandonou o treino logo depois da primeira volta por um princípio de incêndio da sua Renault.

O destaque ficou por conta de Lewis Hamilton. Ambos foram eliminados ainda no primeiro segmento da classificação.

A McLaren foi à pista já sabendo que largaria das duas últimas posições do grid, com Fernando Alonso trocando duas vezes o motor e levando uma punição de 40 posições, e seu companheiro Stoffel Vandoorne com uma troca de motor e uma de câmbio, causando a perda de 35 posições. Após problemas hidráulicos na última prática, Sebastian Vettel mostrou que estava vivo na briga, e avançou com o terceiro melhor tempo.

Uma batida do australiano Daniel Ricciardo a três minutos e meio do fim do Q3, na curva seis, provocou bandeira vermelha e causou apreensão nas equipes. No retorno do treino, Hamilton superou o tempo de Bottas, que liderava.

A Red Bull busca a primeira pole position no ano, que, até o momento, foram dominadas por Ferrari e Mercedes.

Não é o caso na Toro Rosso, satélite da Red Bull, com o clima tenso entre Daniil Kvyat e Carlos Sainz.

Confira abaixo a classificação completa para o GP do Azerbaijão.

Comentários