Alemanha e Chile confirmam favoritismo e seguem na Copa das Confederações

Ajustar Comente Impressão

O Chile será o adversário de Portugal na semifinal da Copa das Confederações.

O Chile até esteve em desvantagem no marcador, na sequência de um golo do australiano James Troisi.

O goleiro do Barcelona respondeu ao desafio defendendo a maior chance de gol do primeiro tempo, aos 45 minutos, num chute à queima-roupa de Andre-Frank Zambo Anguissa.

No jogo em Sochi, a jovem seleção da Alemanha confirmou o favoritismo e fez um jogo movimentado contra Camarões e levou a melhor dom direito a dois gols de Timo Werner. O jogo está marcado para acontecer na quinta-feira (29), às 15h (de Brasília), em Sochi.

Estão definidos os semifinalistas da Copa das Confederações 2017.

Nesta altura, o Chile tem uma diferença de golos favorável de 3-1 e lidera o Grupo B, enquanto a Alemanha tem uma diferença favorável de 4-3 e está em segundo.

Sem a ajuda do VAR, o árbitro havia expulsado o jogador errado, Sebastien Siani, para desespero da equipe camaronesa, que reclamou veementemente.

Após aproveitar rebote de Mat Ryan em cabeçada de Vidal, Alex Sánchez teve a chance mais clara do jogo aos 25 minutos do primeiro tempo.

A partida continuou quente na segunda etapa. Além de Demirbay e Werder, autores dos gols, entraram na equipe Antonio Rudiger e Marvin Plattenhardt.

Os comandados de Low seguiram em cima, atrás do segundo gol para definir a vitória. "Não se deem o trabalho de ler a imprensa britânica hoje", completou.

Um porta-voz da entidade teria manifestado, segundo estes jornais, que a investigação "continua em andamento". Os atuais campeões do mundo enfrentam Camarões, neste domingo, às 12h.

Os 34 jogadores supostamente investigados, segundo a imprensa britânica, figuram na lista "mil pessoas dignas de interesse" estabelecida pelas autoridades mundiais na luta contra o doping.

Já o belga Hugo Broos, comandante de Camarões, quer que sua equipe seja eficiente no toque de bola.

Comentários