Com gols de zagueiros, Inter vence Londrina no Beira-Rio — Série B

Ajustar Comente Impressão

Pela abertura do returno, a equipe de Guto Ferreira venceu o Londrina por 3 a 1 na tarde deste sábado, 12, no Beira-Rio. Aos 3min, D'Alessandro bateu falta da esquerda e Víctor Cuesta saltou mais alto que os zagueiros para desviar de cabeça e fazer 1 a 0! No estádio Beira-Rio, Victor Cuesta e Klaus, duas vezes, garantiram a vitória colorada, Bídia diminuiu para o visitante.

O resultado jogou o Londrina para a 12ª posição na tabela, apenas cinco pontos acima da zona da degola, porém, também a cinco pontos do grupo de classificação para a Série A. O Londrina abre a 21.ª rodada nesta terça-feira, às 19h15, contra o Brasil-RS, no estádio do Café, em Londrina, na região norte do Paraná. O goleiro César fez uma ligação direta, Carlos Henrique apareceu entre dois defensores colorados para finalizar para fora, a direita do gol de Danilo Fernandes.

Depois da pressão, um grande susto: em rápido contra-ataque, Klaus e Cuesta tiveram um momento de indefinição e Carlos Henrique ficou com a bola na frente de Danilo Fernandes, aos 10. Klaus apareceu na área e cabeceou de forma precisa duas vezes.

Após um intervalo emocionante, com direito a homenagens aos pais e torcedora anunciando no telão que o marido, presente no estádio, seria pai, o Inter voltou decidido.

O Internacional só volta a campo no próximo sábado, às 16h30, contra o ABC, em Natal.

Com o resultado, o Inter chega aos 36 pontos e segue na segunda colocação. O atacante bateu cruzado e a bola saiu longe da meta do Colorado.

O Inter seguiu pressionando e quase ampliou cinco minutos depois, quando o Londrina saiu jogando errado e Sasha chutaou em cima de Artur primeiro, e depois viu Reginaldo salvar em cima da linha.

Não demorou muito para que o Inter voltasse a pressionar buscando o segundo gol. Na cobrança de escanteio, o capitão D'Alessandro mandou a bola no travessão. D'Alessandro cobrou escanteio, Cuesta subiu mais alto e cabeceou para o chão. A bola passou ao lado do gol.

Internacional (3): Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenilson e D´Alessandro (Camilo); William Pottker (Nico López), Leandro Damião e Eduardo Sasha (Felipe Gutiérrez).

César; Reginaldo, Gustavo Geladeira, Edson Silva e Ayrton; Rômulo, Jardel, Rafael Gava (Thiago Lopes e Marcinho); Artur, Wellisson e Carlos Henrique.

Comentários