Monaco de Leonardo Jardim goleado em casa do Nice

Ajustar Comente Impressão

No segundo tempo, Leonardo Jardim promoveu duas substituições visando mudar o jogo: Entraram Ghazzal e Carrillo, no lugar de Lopes e Lemar, que tiveram péssimas atuações. Não demorou muito para que o Nice ganhasse uma nova chance de contra-ataque, nesta Pléa não perdoou e ampliou o placar. O próprio atacante foi para a cobrança e abriu placar.

Apesar de perder nomes importantes no setor ofensivo, sendo o principal deles o jovem Kylian Mbappé, quem parece mais ter sofrido com as mudanças foi a defesa.

Numa tarde em que Saint-Maximin esteve em destaque, participando de forma direta nos três primeiros golos, Mario Balotelli aproveitou para acrescentar dois golos à sua conta pessoal, um deles de grande penalidade.

Agora, o Monaco inicia sua preparação para encarar o RB Leipzig, da Alemanha, pela estreia da Liga dos Campeões.

A tônica permaneceu para a segunda etapa e nem a entrada de alguns recém-contratados como Rachid Ghezzal e Stefan Jovetic deram resultado.

Num destes rápidos momentos ofensivos, o Nice conseguiu chegar ao seu terceiro gol novamente com Mário Balotelli, que mostrou oportunismo após belo lance de Arnaud Souquet pela ponta direita. O jovem camaronês Igniatius Ganago, de somente 18 anos, saiu na cara de Subasic e deu números finais ao confronto.

Balotelli bisou na primeira derrota do Mónaco para o campeonato francês desde fevereiro. Até então a equipe tinha 100% de aproveitamento, com quatro vitórias em quatro jogos. Já o Nice, que vinha desapontando na temporada, soma agora 6 pontos e sobe até a oitava posição do torneio.

O jogo - Os atuais campeões franceses acabaram surpreendidos pelo alto ímpeto inicial apresentado pelos donos da casa. A tentativa de uma sequência positiva será contra o Angers, em casa.

Comentários