Inter se reabilita contra Figueirense e reassume liderança da Série B

Ajustar Comente Impressão

Internacional (3): Danilo Fernandes; Cláudio Winck (Alemão), Ernando, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson (Charles) e D'Alessandro; William Pottker, Leandro Damião e Eduardo Sasha (Nico López). Na tarde chuvosa deste sábado (16), o Internacional aplicou uma goleada por 3 a 0 diante do Figueirense, pela 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2017.

Com o resultado, o Inter assumiu a liderança da Série B com 45 pontos, levando vantagem no número de vitórias sobre o vice-líder América-MG.

O Oeste alcançou a sétima posição ao vencer o Náutico por 1 a 0, afundando a equipe pernambucana na zona do rebaixamento (penúltimo, com 20 pontos). Na próxima rodada o Figueira recebe o ABC no Orlando Scarpelli, às 16h30min de sábado.

No Beira-Rio, um uma parte das arquibancadas foi fechada devido à estrutura do show do Bon Jovi que já foi montada.

No lado colorado, o técnico Guto Ferreira teve apenas a ausência do zagueiro Klaus para o duelo.

Gols: William Pottker aos 3min do 1º tempo, Leandro Damião aos 8min do 2º tempo e Nico López 37min do 2º tempo. Em nova oportunidade após chute de fora da área, Edenílson fez o goleiro Saulo se esticar todo para evitar o segundo tento.

O Internacional começou a construir sua vitória desde início da partida.

O segundo gol poderia ter saído logo aos seis minutos. O Figueira só conseguir criar alguma coisa aos 23 minutos. Ele, entretanto, optou por cruzar para o atacante Leandro Damião, mais bem colocado.

Cinco minutos depois, Uendel invadiu a área pela esquerda e cruzou buscando Pottker, mas a zaga do Figueirense afastou.

Na volta do intervalo, Cláudio Winck foi substituído por Alemão por lesão da coxa direita. Na marca dos 34, D'Alessandro se livrou da marcação na esquerda e acionou Eduardo Sasha na intermediária. Aos 8 minutos, após cobrança de escanteio realizada por D'Alessandro, Leandro Damião pôs a cabeça na bola, que desviou no goleiro catarinense e foi para o fundo do gol. O Inter voltou a levar perigo aos 40. O jogador saiu do campo de defesa do Internacional carregando a bola e, sem ninguém marcando, passou por todo o campo até chegar na área adversária. Aos 15, Lucas Silva entrou na vaga de Xuxa no Figueirense. Aos 36, Pottker cruzou da esquerda e Nico López ajeitou para finalizar na área, mas quem concluiu foi Leandro Damião. E no segundo tempo Uendel ainda passou por quatro marcadores antes de rolar para Nico Lopez fazer o terceiro gol. Aos 24, Uendel mandou na área e Damião cabeceou, com a bola passando muito perto da trave.

Na melhor chance do Figueirense na partida, o atacante Nicolas Careca, dentro da área, acertou o travessão da goleira defendida por Danilo Fernandes.

Comentários