Pagamento de boleto vencido em qualquer banco é adiado

Ajustar Comente Impressão

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) adiou para 2018 a liberação de pagamento de boletos vencidos abaixo de R$ 2 mil reais em qualquer banco.

No calendário anterior, a partir de hoje (09) seriam aceitos os boletos de valores iguais a superiores a R$ 500.

A nova plataforma está sendo implantada de forma gradual, conforme o valor do boleto: no dia 10 de julho, passou a valer para boletos acima de R$ 50 mil.

"Em função do volume elevado de documentos que irão trafegar pelo novo sistema - cerca de quatro bilhões de boletos por ano, montante comparável à capacidade das grandes processadoras de cartões de crédito do mundo - o setor bancário decidiu rever o cronograma original, que previa a inclusão de todos os boletos na Nova Plataforma de Cobrança já a partir de dezembro", disse a federação em nota.

Além de permitir o pagamento de boletos em qualquer agência bancária, o novo sistema permite a troca de dados entre bancos sobre quem emitiu e quem pagou os boletos.

A nova plataforma de cobrança permitirá a identificação do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) do pagador, o que facilitará o rastreamento de pagamentos.

Desde setembro, foi liberado o pagamento das contas atrasadas iguais ou acima de R$ 2 mil. Segundo a Febraban, estes valores alcançam 3,7% dos boletos emitidos no país. Isso porque, quando um boleto é apresentado em algum banco, o sistema informa se ele já tiver sido pago, evitando novo pagamento por engano.

Comentários