Kubica inicia primeiro teste com a Williams em Silverstone

Ajustar Comente Impressão

O polonês completou suas primeiras voltas no treino privado que realiza com a Williams no circuito de Silverstone, na Inglaterra. O ex-presidente da categoria acompanhou o processo de Kubica durante os últimos meses e não tem dúvidas que o piloto seja o homem que a Williams precisa para seguir em frente.

Robert Kubica teve um dia de teste "bem-sucedido" nesta quarta-feira (11) em Silverstone.

- Se Robert não tivesse sofrido seu acidente, acho que ele já seria campeão mundial agora - declarou Ecclestone ao site Autosport.

"Acho que ele pode voltar ainda mais forte do que antes". Mentalmente, creio que ele provavelmente será mais agressivo do que naquela época: portanto, só consigo ver coisas boas para ele. "Fisicamente, há muitos anos quando tinha uma equipa, contava com um piloto chamado Archie Scott-Brown".

Kubica gerou uma grande publicidade desde que se tornou candidato a um assento na F-1.

Se ele fizer o que penso que vai fazer-regressar melhor que nunca- as pessoas irão segui-lo.

Kubica rompeu parcialmente o antebraço direito num acidente em 2011 num rally no qual ele entrou por diversão, antes de iniciar a temporada da Fórmula 1. Contudo, o ex-dirigente crê que o brasileiro já fez sua parte na F1 e que talvez fosse a hora de a Williams apostar no polonês para dar "uma acordada", já que o time não tem conseguido bons resultados. Acredita-se que a experiência será realizada antes do GP dos EUA, com Paul Di Resta pilotando em um dos dias de testes. A equipe não está atuando tão bem quanto deveria, e se é por causa dos pilotos ou da equipe em geral, eu não sei. Ninguém sabe - finalizou Ecclestone.

Comentários