Folha de alumínio pode melhorar o sinal Wi-Fi, diz pesquisadores

Ajustar Comente Impressão

Antigamente, nos modelos de TVs de tubo, muitos utilizavam um truque para melhorar o sinal das antenas, colocando um pedaço de lã de aço e giravam até uma posição em que a imagem era melhorada. Isso mesmo, só que desta vez é utilizado um pedaço de alumínio. Eis que pesquisadores da Universidade de Dartmouth, nos Estados Unidos, comprovaram a eficácia da sabedoria popular. A solução achada por eles foi criar dispositivo de plástico coberto com papel alumínio capaz de refletir o sinal.

"Com um simples investimento de cerca de US$ 35 (R$ 114) e especificando os requisitos de cobertura, um refletor sem fio pode ser customizado para superar as antenas que custam milhares de dólares", disse Xia Zhou, professora assistente da Universidade. "Nós não apenas fortalecemos os sinais sem fio como também os tornamos mais seguros".

O documento com a comprovação científica exemplifica "Depois de testar essa abordagem em dois diferentes interiores nas questões de velocidade e força, os pesquisadores relataram que os refletores 3D otimizados forneceram vários benefícios, incluindo: mais segurança física, baixo custo e fácil utilização para usuários leigos". Com uma planta do lugar onde a pessoa deseja posicionar o dispositivo, o operador do programa configura onde pretende melhorar o sinal Wi-Fi, após isso, um desenho em 3D é criado.

Segundo os pesquisadores, o WiPrint pode aumentar a força do Wi-Fi em até 6 dB no local onde quer que ele seja mais potente e reduzir o sinal em até 10 dB onde ele é indesejado. A meta, agora, é estudar outros materiais - para que os dispositivos se adaptem automaticamente de acordo com as mudanças de layout - e frequências de bandas mais altas.

Comentários