Bandido que mantinha homem refém se entrega para polícia — SP

Ajustar Comente Impressão

Uma quadrilha com ao menos dez homens fortemente armados explodiu com dinamites um carro-forte na zona leste de São Paulo por volta das 16h30 desta sexta-feira (10). Em seguida, eles atearam fogo em pelo menos 11 veículos. A Polícia Militar cercou o local e manteve um cerco, imaginando ser uma situação com refém por mais de duas horas.

Por volta das 20h30, após intensa negociação com policiais, a dupla se entregou e confessou à polícia que participou do ataque ao carro-forte.

Houve troca de tiros com vigias, segundo informações da TV Band, e um dos bandidos teria sido baleado. Na fuga, o grupo também queimou ao menos nove veículos, entre caminhões e carros de passeio, ao longo da avenida Ragueb Chohfi para impedir o avanço da PM. Não se sabe o nome dela. Depois de fugirem, eles invadiram uma empresa e fizeram uma pessoa refém. Helicópteros Águia da PM, e Pelicano da Polícia Civil, auxiliavam nas buscas.

Comentários