Foi morta a tiro pelo ex-marido... em frente aos filhos

Ajustar Comente Impressão

Uma mulher foi assassinada á tiros na frente da mãe e da irmã na tarde de domingo (12), na cidade de Araputanga (336 km de Cuiabá). Rita Jorge da Silva foi baleada em frente à mãe, de 73 anos, uma irmã e os filhos. O crime, segundo a Polícia Civil, foi cometido pelo ex-marido dela, que não aceitava a separação. Havia, inclusive, uma ordem de restrição para que José António Caetano não se aproximasse de Rita. Segundo informações da Polícia Civil do estado, o homem a abordou pedindo para que ela retirasse a medida protetiva que proibia que ele chegasse perto da mulher. Rita ainda correu para casa, onde acabou por cair e morrer. "Eles viviam em conflito, brigavam e separavam, por isso, não acreditavam que ele tivesse coragem de fazer isso", afirmou o agente. Um familiar contou aos policiais que eles estavam separados e havia um histórico de desentendimento.

Depois do crime, o suspeito fugiu e ainda não foi localizado, escreve ainda o site G1.

Comentários