Merkel e partidos ainda sem resposta sobre coalizão

Ajustar Comente Impressão

Em meio a divergências entre as legendas, conversas serão retomadas nesta sexta-feira.A resposta sobre o futuro da política alemã só deve ser conhecida mais tarde nesta sexta-feira (17/11), quando serão retomadas as conversas prévias entre conservadores, liberais e verdes, que decidem se realmente vão entrar em negociações formais para montar o próximo gabinete de governo. Após quatro semanas de diálogo, o campo conservador de Merkel, o Partido Democrático Liberal (FDP) e o Partido Verde precisam ainda resolver profundas diferenças em questões como imigração e impostos, mudança climática e segurança.

"De uma maneira ou de outra" as conversações terminam no domingo, disse também o líder da aliada bávara da CDU, a CSU, Horst Seehofer, não excluindo contudo que elas fracassem. "A população tem aogra uma expectativa e também o direito de saber se uma formação de governo é ou não possível".

Esperava-se uma decisão sobre a possibilidade ou não de uma coalizão ainda na madrugada desta sexta-feira, prazo fixado como limite pela chanceler federal Angela Merkel para que fossem encerradas as sondagens entre os partidos - precursoras das negociações formais.

Tal coalizão, nunca testada a nível nacional, é a melhor saída para Merkel depois de o Partido Social-Democrata (SPD) ter anunciado que não continuaria apoiando a chanceler federal e voltaria à oposição.

Caso ocorra um impasse, isso poderia levar a novas eleições no início do próximo ano.

Comentários