Mutirão em Três Lagoas terá atendimento preventivo de câncer de pele

Ajustar Comente Impressão

Dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca) revelam que, anualmente, 176 mil novos casos de câncer de pele são diagnosticados no Brasil.

Dezembro é o mês de conscientização do câncer de pele, e como forma de alertar a população, a Sociedade Brasileira de Dermatologia iniciará a Campanha do Dezembro Laranja. A previsão é que mais de 30 mil pessoas sejam assistidas durante a mobilização. O atendimento será das 7h30 às 11h.

As consultas serão realizadas, gratuitamente, das 9h às 15h em aproximadamente 130 postos de atendimento do país.

O serviço de Dermatologia do Hospital Federal de Bonsucesso participa da campanha no próximo sábado (2).

O médico salienta que somente o exame clínico realizado por um profissional especializado ou a biópsia podem diagnosticar o câncer de pele, mas é importante atentar-se aos seguintes sintomas: lesão na pele de aparência elevada e brilhante, translúcida, de tonalidade avermelhada, castanha, rósea ou multicolorida, com crosta central e que sangra facilmente; pinta preta ou castanha que muda sua cor, textura, torna-se irregular nas bordas e cresce de tamanho; mancha ou ferida que não cicatriza, que continua a crescer apresentando coceira, crostas, erosões ou sangramento. A prevenção também está em foco na campanha, que reforça a importância do uso do protetor solar durante todos os dias do ano, independente da estação.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) em parceria com o Programa Municipal de Controle de Hanseníase, da Secretaria Municipal de Três Lagoas, realizam um mutirão de atendimento para detectar casos de hanseníase e câncer de pele em pacientes, neste sábado (2), no Centro de Especialidades Médicas (CEM), localizado na avenida Clodoaldo Garcia.

Em Santa Catarina, o Dia C de Combate ao Câncer de Pele deve acontecer em pelo menos 12 cidades.

Comentários