Vasco divulga retificação de ata e dá vitória a Júlio Brant

Ajustar Comente Impressão

Por outro lado, foi Julio Brant quem divulgou que falaria com a imprensa. - Hoje de manhã fizemos um RO.

"Indo ainda mais longe em sua desrespeitosa atitude, o senhor Brant afirmou que sabe estar violando o estatuto do clube, ao se proclamar presidente antes da hora, e alegou uma suposta situação de calamidade, numa construção de raciocínio que parece atender mais a um oportunismo eleitoral do que aos reais interesses do Vasco da Gama", completou.

"A gente está vendo algumas vendas de jogadores, empresários que foram chamados para renovar contratos por salários fora da realidade da nossa categoria de base, aumentando seus ordenados". A preocupação não é pelo Vasco. Qualquer negociação vil, claramente prejudicial, será revertida.

À tarde, o clube teve a energia cortada pela Light por deficiência técnica. Ao longo do dia, o GloboEsporte.com apurou que houve um "feirão" no almoxarifado. Polícia em São Januário Além da Delegacia de Repressão contra Crimes de Informática, a Polícia Militar também está presente em São Januário para averiguar os episódios ocorridos nesta quinta-feira. Outros funcionários retiraram objetos pessoais que utilizavam nas dependências de São Januário. Muitas das máquinas do centro de saúde foram transferidas para o CT de Vargem Grande, onde o elenco faz pré-temporada.

No clube, desde quarta-feira o clima entre funcionários é de que as chances de Eurico Miranda reverter as derrotas na Justiça referentes à urna 7 acabaram.

Líder da oposição e na expectativa de ser eleito presidente do Vasco semana que vem, Julio Brant já conversa com sócios beneméritos do clube que, se ficar claro que está havendo ações da atual diretoria no sentido de lesar o clube antes de uma troca de gestão, pedirá a abertura de um processo interno para punir os dirigentes.

Comentários