Wenger desmente negociações por Alexis Sanchez

Ajustar Comente Impressão

O chileno Alexis Sánchez pode deixar o Arsenal ainda em janeiro.

Antes pretendido pelo Manchester City, que segundo informações já teria acertado salários com o jogador, agora é a vez do Manchester United entrar na briga pelo meia-atacante.

Arsène Wenger está interessado em contratar Jonny Evans, ao West Bromwich Albion, mas o treinador do Arsenal está consciente de que se o Manchester City estiver na corrida e a decisão do central acabar por ser determinada por razões financeiras, os londrinos irão perder o jogador.

Mesmo que a saída de Sánchez ainda não seja concreta, o Arsenal já trabalha com nomes para substitui-lo. "Se um bom jogador vier, será bom para nos ajudar, se não vier ninguém, vamos tentar vencer com a equipa que temos", disse o médio. Escolhendo a melhor proposta que se encaixa a seu favor.

O Arsenal sabedor da causa, também está no mercado e sonda jogadores como o brasileiro Malcon, do Bordeaux, da França. O preço pedido pelo Bordeaux é de 50 milhões de euros (R$ 193 milhões de acordo com a cotação atual).

Comentários