Júnior Rocha comanda treino, mas não define equipe titular do Santa Cruz

Ajustar Comente Impressão

O Santa Cruz sentiu pela primeira vez na temporada o sabor de se preparar para uma partida após uma vitória. Em preparação para enfrentar o Afogados da Ingazeira, o técnico Júnior Rocha promoveu uma movimentação tática, em plena segunda-feira de Carnaval. Ele agradeceu a participação da torcida e ao ser perguntado pelo repórter Walleys Santos sobre a pressão, o comandante tricolor disse que é normal, entretanto a equipe poderia ter sido mais eficiente. Tiago Machowski e Jeremias, também por ordem clínica, são dúvidas para o jogo. Alguns casos envolvem jogadores que aguardam parecer do departamento médico para atuarem. Em coletiva de imprensa, o técnico Júnior Rocha comentou sobre a vitória. Outra baixa é reserva imediato na lateral direita, Ítalo, que pegou dois jogos de suspensão (automática mais um) pela expulsão no jogo contra o América e cumprirá a pena.

Machowski sofreu uma lesão no músculo reto abdominal no último jogo na vitória contra o Treze.

Assim, o Santa Cruz entrará em campo diante do Afogados com Ricardo Ernesto; João Ananias, Augusto Silva, Genílson e Ávila; Jorginho, Luiz Otávio e Arthur Rezende; Augusto, Robinho e Vinícius. Se Jeremias não tiver em condição de atuar na partida, seu provável substituto será Augusto, que já está recuperado de uma lesão na coxa. Irá realizar exame de imagem, e se confirmada a lesão, a recuperação é rápida.

O jogo – Na primeira etapa, o Santa Cruz deixou para reagir no momento certo. Assim, mantendo o 4-4-2 e a postura de apostar nos contra-ataques. "É uma oportunidade que eles estavam esperando, todos aqui trabalham por uma oportunidade, espero que a gente consiga ajudar esses ateltas que estão entrando a conquistar um bom resultado", falou.

Será o primeiro duelo entre Afogados e Santa Cruz, o único do Trio de Ferro que jogará na cidade. O time sertanejo completa cinco anos de fundação em 2018.

Comentários