Após operação policial, Cracolândia tem duas noites de confronto em SP

Ajustar Comente Impressão

Policiais civis da 3ª Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), da Polícia Civil de São Paulo, realizam na tarde desta quainta-feira (12) operação contra suspeitos de integrarem o tráfico de drogas na região conhecida como Cracolândia, no centro de São Paulo. O grupo de usuários foi disperso e se espalhou pelas ruas da região. O tumulto começou após a prisão de cinco traficantes em um confronto entre a Guarda Civil Metropolitana e usuários de crack.

Pessoas reunidas na praça Princesa Isabel, uma das praças localizadas no bairro conhecido como "Cracolândia" em São Paulo. Uma loja de sapatos que fica na rua Santa Ifigênia foi arrombada e teve vários produtos levados. "Ainda estamos contando o prejuízo". Os usuários de droga construíram barricadas, fizeram fogueiras e atiraram pedras contra os policiais.

Ainda na Duque de Caxias, uma agência do Bradesco teve vidros quebrados e um salão de cabeleireiro foi furtado.

De acordo com a PM, 15 pessoas foram abordadas para averiguação. A PM disse que estava no local para dar apoio ao trabalho de contenção do grupo.

O caso foi registrado no 2º DP (Bom Retiro).

O tumulto aconteceu quando guardas que acompanhavam funcionários da prefeitura faziam uma limpeza no local.

Comentários