Com gol de Dagoberto, LEC vence na estreia da Série B

Ajustar Comente Impressão

O Londrina Esporte Clube fez a estreia no Campeonato Brasileiro Série B, na tarde deste sábado (14), em partida disputada contra o Boa Esporte, no Estádio do Café, em Londrina.

O primeiro tempo iniciou morno.

Na próxima rodada, o LEC enfrenta o Paysandu no Mangueirão, em Belém (PA) na sexta-feira (20), às 21h30.

O jogo teve início no Estádio do Café e logo aos 3 minutos susto para o Boa Esporte. Aos seis minutos, foi a vez de Dudu subir na área após cobrança de escanteio e testar pela linha de fundo. Romisson fez o cruzamento na medida para o cabeceio de Marcelinho que quase marcou o gol.

O Londrina teve a grande chance para abrir o placar aos 32 minutos, depois que o árbitro viu mão de Amaral na área e marcou pênalti. Aos 31 minutos, a arbitragem sinalizou penalidade máxima de Amaral que teria tocado a bola com a mão na área. Na cobrança, Roberto parou nas mãos de Fabrício.

Aos 38 minutos, o técnico Marquinhos Santos precisou fazer a primeira substituição. A equipe mineira que não tinha tido uma postura mais agressiva na primeira etapa, voltou com mais movimentação e incomodando o Tubarão. Reginaldo ainda tentou o rebote, mas pegou na rede pelo lado de fora.

O gol melhorou o ritmo de jogo.

LONDRINA: Vagner, Reginaldo, Luizão, Lucas Costa e Roberto; Moisés, Marcelinho, Romisson (Matheus Olavo); Dudu, Wesley (Dagoberto) (Diego Lorenzi) e Safira. O goleiro Fabrício, do Boa, fez a defesa quando o placar estava igualado. Depois de dez minutos, o técnico Marquinhos Santos resolveu promover a entrada de Dagoberto, ex-São Paulo e Cruzeiro, de 35 anos.

No final, as equipes seguiram se movimentando, mas nenhuma oportunidade mais de bola nas redes.

"A Série B é um campeonato muito difícil, mas nós temos boas pretensões para este ano".

Logo em seguida, a estreia de Dagoberto no Londrina chegou ao final.

Boa Esporte: Fabrício; Caíque, Renato Justi, Gustavo Silva e Elivélton Foguinho; Amaral (Renato Bruno), Machado e Jhon Cley; Alyson, William Barbio (Bruno) e Ygor.

Comentários