Médica atropela e mata vendedor de verduras e foge sem prestar socorro

Ajustar Comente Impressão

Vendedor de frutas Francisco Lúcio Maia, de 48 anos, morreu atropelado pela médica Letícia Bortolini, 37, na noite deste sábado (14), em Cuiabá, na avenida Miguel Sutil.

De acordo com a Polícia Civil, que já investiga o caso, a médica apresentava sinais de embriaguez, assim como o marido dela, que estava no carro, um Jeep branco. A Polícia Civil não divulgou se ela confessou ou negou o atropelamento. Letícia e o marido não prestaram socorro e fugiram do local.

Segundo o G1, Francisco empurrava um carrinho de verdura para o canteiro da avenida quando foi atingido pelo automóvel.

O acidente foi registrado por volta das 20h, próximo aos bairros Cidade Alta e Coophamil, em frente a agência do banco Itaú. Ela foi detida momentos depois em um condomínio.

Testemunhas relataram as características do veículo, a PM saiu à procura e localizou a motorista e o passageiro em um condomínio no bairro Jardim Itália. O carro também foi apreendido.

A médica foi autuada em flagrante por homicídio culposo na direção de veículo e omissão de socorro.

A médica é proprietária de uma clínica particular, no Bairro Bosque da Saúde, e atua como dermatologista. Letícia permaneceu detida e será encaminhada para audiência de custódia no Fórum de Cuiabá que decidirá se ela permanecerá presa ou responderá pelo crime em liberdade.

Comentários