O que La Casa de Papel ensina sobre liderança?

Ajustar Comente Impressão

10 chilenos vestiram, no início desta semana, os famosos macacões vermelhos, tal como na série de ficção, e tentaram assaltar um multibanco que estava numa bomba de gasolina.

A série de televisão espanhola "La Casa de Papel", criada para a Antena 3 e disponível na Netflix, já tinha servido de inspiração para um ataque de hackers no YouTube e agora foi também fonte de inspiração para um grupo de assaltantes no Chile. Na série criada por Álex Pina um grupo de oito assaltantes toma de assalto a Casa Nacional da Moeda de Espanha e faz reféns durante vários dias, enquanto o cérebro da operação, o "Professor", comanda as operações a partir do exterior.

O grupo foi pego pela polícia chilena depois de utilizar gás para explodir o caixa eletrônico.

Vestidos com um macacão vermelho e uma máscara de Salvador Dalí, os dois jovens mudaramm ainda os seus nomes para cidades, tal como acontece na série.

Pouco depois da explosão, as autoridades foram avisadas e os assaltantes puderam ser detidos.

Luis Tenhamm, o chefe da polícia chilena, informou que "o multibanco contava com as medidas de segurança necessárias".

Eles tentaram fugir da polícia e iniciaram um tiroteio.

Segundo um comunicado posterior, as autoridades conseguiram capturar outro dois delinquentes e os três detidos têm antecedentes criminais. "Ele começou a dizer que as pessoas nos podiam confundir com apoiantes da Dilma Rousseff e do Lula da Silva", escreveu o "influencer" digital.

Comentários