Atlético goleia Chape por 5 a 1 na estreia do Brasileirão

Ajustar Comente Impressão

Bem vindo, torcedor! Acompanhe o tempo real de Atlético-PR x Chapecoense ao vivo, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro 2018. Depois do intervalo, aos 15, o uruguaio tabelou com Edenílson e pegou de primeira para marcar um belo gol. Com efeito, a bola assustou Jandrei, que só espalmou. Carleto avançou pela esquerda e cruzou na segunda trave. Gols: Wellington Paulista, 2'2ºT (0-1); Pablo, 6'2ºT (1-1); Nikão 13'2ºT (2-1); Carleto 22'2ºT (3-1); Matheus Rossetto 43'2ºT (4-1); Ederson 48'2ºT (5-1).

Em jogo disputado de manhã no Independência, o América-MG teve um primeiro tempo arrasador para superar o Sport sem dificuldades. De falta, Carleto desencantou, aos 23 minutos.

Com o placar consolidado, a equipe atleticana apenas administrou o duelo até o apito final, tocando mais a bola em seu campo e evitando se expor.

Mas o Furacão reagiu rápido e empatou quatro minutos depois. Wellington Paulista inaugurou o marcador em Curitiba, no entanto, a festa dos catarinenses demorou pouco. No fim do primeiro tempo, boa jogada individual de Arthur Kayke para cima de Pavez, e no cruzamento a zaga atleticana desviou o arremate de Wellington Paulista.

A novidade fica por conta do uniforme da equipe da Chape, que tem a mesma fornecedora de materiais esportivos do que o Furacão, a inglesa Umbro, que lançou na última sexta-feira (13) a coleção Umbro Nations.

Mesmo com a vantagem no placar, a equipe seguiu no ataque e marcou o terceiro gol aos 22 minutos.

Mas ainda deu tempo para o Atlético Paranaense fazer mais dois gols. Todos os gols saíram na segunda etapa. Segundo Kleina, o sistema de jogo escolhido já é baseado no estilo de atuar do Atlético-PR.

Com a vitória por 5 a 1 o Furacão está momentaneamente na liderança do Brasileirão. Jonathan mandou no peito de Matheus Rossetto, que passou do zagueiro e tocou com categoria para fechar. 4x1. Já o Furacão vai à Porto Alegre, encarar o Grêmio, na Arena, às 19h. Já a Chapecoense recebe o Vasco da Gama, no mesmo dia, na Arena Condá.

Atlético Paranaense: Santos; Bruno Guimarães, José Ivaldo e Esteban Pavez; Jonathan, Camacho, Matheus Rossetto e Thiago Carleto; Nikão (Raphael Veiga, aos 45' do 2º T), Pablo e Ribamar (Ederson, aos 10' do 2º T).

Chapecoense: Jandrei; Apodi (Eduardo), Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Amaral, Márcio Araújo (Guilherme) e Canteros; Arthur Caike, Wellington Paulista e Vinícius (Nadson).

Comentários