Brasileiro 2018: São Paulo recebe o Paraná em casa

Ajustar Comente Impressão

Desta forma, o São Paulo terá um time misto no duelo diante do Paraná, em sua estreia no Campeonato Brasileiro. O técnico Diego Aguirre armou o time com a mesma formação do empate pela Sula - 3-5-2 - mas tem uma dúvida: o lateral Reinaldo.

A comissão técnica do São Paulo optou em priorizar a Copa do Brasil em detrimento da estreia no Campeonato Brasileiro.

São Paulo: Sidão; Militão, Rodrigo Caio e Arboleda; Régis, Jucilei, Petros, Liziero e Reinaldo; Nenê e Tréllez.

Recuperado de dores na região dorsal, que o afastaram de quase toda a temporada, o zagueiro Anderson Martins voltou a ser relacionado. A novidade do treino ficou pela presença do meia-atacante Helinho, promessa das categorias de base do clube e que fez neste sábado a sua primeira atividade com o elenco principal.

A partida desta segunda-feira tem um gostinho especial para o Paraná.

Após dez anos seguidos na Série B, o Tricolor retorna à elite nacional com o elenco mais barato da disputa e a previsão, tanto de comentaristas, como dentro do próprio clube, de luta contra o rebaixamento.

O recém subido para a Série A vem com algumas mudanças em relação ao time que conseguiu o acesso.

Contra o São Paulo, o técnico Rogério Micale não vai poder contar com o volante Johnny Lucas, que ainda não está recuperado de uma lesão na panturrilha e foi vetado pelo departamento médico. Por outro lado, a diretoria acertou quatro contratações: o meia Caio Henrique (Atlético de Madrid-ESP) e os atacantes Silvinho (Ponte Preta) e Léo Itaperuna (São Bento), além de Cléber Reis, que estava no Santos. Leandro Vilela é o candidato a entrar no seu lugar.

Comentários