Asteroide faz razia à Terra daqui a umas horas

Ajustar Comente Impressão

O asteroide 2010 WC9 é do tamanho de um campo de futebol, tem entre 60 a 130 metros de largura.

Um asteroide irá passar próximo ao nosso planeta nesta terça-feira (15).

O objeto espacial foi detectado pela primeira vez em 30 de novembro de 2010 pelo Catalina Sky Survey, no Arizona, e somente agora, quase oito anos depois, o asteroide poderá ser visto novamente. Às 22h05 de Lisboa vai passar a apenas 203.453 km da Terra - metade da distância entre a Lua e a Terra - a 46.116 km/hora. Pelo monitoramento até aqui, ele cruzará o céu ás 19h05 (horário de Brasília).

Embora não seja muito grande, é maior que o meteorito Chelyabinsk que caiu em fevereiro de 2013 na Rússia e que estilhaçou os vidos de várias casas em pelo menos seis localidades russas e que feriu cerca de 1500 pessoas.

"Há muitas aproximações de asteróides, a maioria são muito pequenos".

Trata-se, assim, de uma das mais próximas passagens pela Terra de um asteróide de tamanha dimensão, refere à Newsweek o astrónomo Guy Wells, do Observatório Northolt Branch, em Londres.

Mas o Observatório Northolt Branch vai transmitir em directo, através do Facebook, a passagem do asteróide, graças a imagens recolhidas pelo seu telescópio - e desde que o tempo ajude.

"Informação publicada é informação pública".

Comentários