http://imgsapp2.correiobraziliense.com.br/app/noticia_127983242361/2017/09/08/624535/20170908214907964970e.jpg

Finanças

Segundo Cardozo, que refutou as acusações de que teria discutido a possibilidade de influenciar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) para beneficiar o empresário, bem como a de que um sócio teria recebido dinheiro do grupo, ele foi procurado por Joesley que estaria interessado em contratar seus serviços como advogado.
  • Mútua fica com 98,28% do fundo do Montepio

    Mútua fica com 98,28% do fundo do Montepio

    Finanças

    Tomás Correia, presidente da Associação Mutualista, classifica a operação como um "inquestionável sucesso". No arranque da oferta, detinha 85,43%, pelo que, esta segunda-feira, foi anunciado que a associação fica com 98,28% do fundo da Caixa Económica.
  • Bovespa bate recorde de 2008 ao ultrapassar os 74 mil pontos

    Bovespa bate recorde de 2008 ao ultrapassar os 74 mil pontos

    Finanças

    A marca histórica anterior do Ibovespa é de 20 de maio de 2008, quando o índice atingiu 73.516 pontos. O giro financeiro era de R$ 2,5 bilhões. O pedido de prisão de delatores da J&F , controladora da JBS, trouxe mais fôlego ao mercado, com a visão de enfraquecimento de uma nova eventual denúncia contra o presidente Michel Temer e de mais força para o governo avançar a agenda de reformas.
  • Juiz do DF reavalia decisão e suspende acordo de leniência da J&F

    Juiz do DF reavalia decisão e suspende acordo de leniência da J&F

    Finanças

    Ele apontou que o acordo de delação "sustenta" o acordo de leniência da empresa . O magistrado considerou que os fatos novos tornados públicos sobre as delações de executivos exigiram a reavaliação do acordo de leniência . Nesta segunda, o juiz reavaliou o caso e decidiu suspender o acordo para que a leniência não produza efeitos até a decisão do STF . A partir daí, caberá ao Ministério Público Federal (MPF) rediscutir os benefícios dados no acordo.
  • Ministério Público confirma massacre em tribo isolada do Amazonas

    Ministério Público confirma massacre em tribo isolada do Amazonas

    Finanças

    As execuções foram promovidas por garimpeiros ilegais que agem na região. "Confirmamos as mortes de indígenas isolados e o Ministério Público Federal e a Polícia Federal estão investigando", revelou a procuradoria. O crime terá sido cometido por garimpeiros ilegais (mineiros que apanham ouro), dois dos quais encontrar-se-ão detidos, afirma a Survival, uma ONG defensora dos povos indígenas.
  • Novo Ford Mustang chega em nova linha na Europa

    Novo Ford Mustang chega em nova linha na Europa

    Finanças

    Em termos de motorização a unidade é um V8 de 5.0 litros com 444 cv, incluindo ainda uma chegada à 'red line' mais tardia, u m novo sistema de injecção directa de alta pressão e mais binário. O novo sistema opcional de amortecimento MagneRide Damping System consegue responder com uma rapidez fulminante às alterações nas condições da estrada, estando agora disponíveis dois novos Modos de Condução (Drag Strip Mode e My Mode, este último configurável), juntando-se aos habituais Normal, Sport, ...
  • Mercado reduz expectativas para juros a 7% ao ano em 2017

    Mercado reduz expectativas para juros a 7% ao ano em 2017

    Finanças

    A queda da inflação e mais esse sinal do Copom levaram a novo recuo na projeção para a Selic . As projeções do Focus para a Selic neste ano se ajustaram a esta mensagem e, na mediana, caíram de 7,25% para 7%. Em setembro e outubro de 2017, a inflação medida pelo IPCA também deve registrar marcas menores do que o esperado anteriormente: a mediana das expectativas para setembro foi reajustada de 0,29% para 0,26%, enquanto para outubro, de 0,37% 0,36%.
  • Defesa de ex-procurador volta a criticar pedido de prisão

    Defesa de ex-procurador volta a criticar pedido de prisão

    Finanças

    A defesa do ex-procurador da República Marcello Miller entrou hoje (9) com um requerimento no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o pedido de prisão apresentado pela Procuradoria-Geral da República seja rejeitado. Não tinha contato algum com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, nem atuação na Operação Lava Jato desde, pelo menos, outubro de 2016. Pediu exoneração em 23/2/2017, tendo essa informação circulado imediatamente no MPF.
  • Londrina x Ceará: Veja a provável escalação do Vozão

    Londrina x Ceará: Veja a provável escalação do Vozão

    Finanças

    No entanto, o Tubarão vem animado pela classificação à semi final da Primeira Liga, quando eliminou Fluminense e Cruzeiro. "Já tinha alguns amigos que conhecia, então o entrosamento é sempre bom no elenco, precisamo estar sempre entrosado, sempre conversando um com o outro, para que possamos ajudar o companheiro dentro de campo", declarou em entrevista coletiva.
  • Fachin autoriza prisão de Joesley Batista e Ricardo Saud

    Fachin autoriza prisão de Joesley Batista e Ricardo Saud

    Finanças

    No caso do ex-procurador da República, a suspeita é de que ele foi "captado" pelos empresários da J&F para facilitar o acordo que os livrou da cadeia. Como o pedido de prisão de Joesley, Saud e Miller entrou no sistema eletrônico do Supremo com sigilo não é possível saber o conteúdo e se, por exemplo, há informações novas da investigação.
  • Crescimento da economia europeia acelera no segundo trimestre

    Crescimento da economia europeia acelera no segundo trimestre

    Finanças

    Está é a melhor performance da última década. A economia acelerou em todos os Estados-menbros da UE, tendo Portugal registado o menor crescimento trimestral do PIB (0,3%), a par do Reino Unido. Na variação em cadeia (comparação com o trimestre imediatamente anterior), o PIB da zona euro subiu 0,6% e o da UE 0,7%, depois de ter aumentado 0,5% em ambas nos primeiros três meses do ano.
  • Autorizada prisão de Joesley Batista e a de Ricardo Saud

    Autorizada prisão de Joesley Batista e a de Ricardo Saud

    Finanças

    A Procuradoria também suspeita que os delatores podem ter omitido informações. Miller é citado nos áudios como um grande articulador do acordo de colaboração dos executivos da J&F. Ministro Edson Fachin, durante sessão do STF. "Eu verifico que esse episódio revelou que esses partícipes do delito, que figuraram como colaboradores, eles ludibriaram o Ministério Público", escreveu o site citando fala de Fux durante sessão plenária na última quarta-feira.